Loucos e Vagabundos

Assim foram, são e serão chamados,
aqueles que ousam pensar diferente, serem diferentes.
As ovelhas negras, os patinhos feios.
Da família, da escola, da faculdade, do grupo de amigos.
Os sonhadores, aventureiros, românticos,
sensíveis, intensos, exploradores, selvagens.
Os que querem tudo,
sonham em viajar pelo mundo

Não andam, correm.
Não existem, vivem.
Não esperam, só vão.
Não pensam, só se jogam.

Sim, têm medo,
mas de não ver,
não provar, não ouvir,
não tocar, não sentir,
não viver.

É mesmo uma loucura acreditar e se permitir, né?
E são mesmo uns vagabundos,
esses andarilhos do mundo,
cientistas malucos,
questionadores de tudo!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s